Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 20/08/2012 15:01
   
 

  Ex-tesoureiro de Perillo consegue direito de ficar calado na CPI do Cachoeira

Jayme Rincón é esperado pelos parlamentares na quarta-feira (22). Habeas Corpus foi concedido pelo ministro Joaquim Barbosa.

Márcia Sousa
www.g1.com

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa concedeu habeas corpus a Jayme Rincón, ex-tesoureiro da campanha do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), para que ele permaneça calado durante depoimento à CPI Mista do Cachoeira. O depoimento de Rincón está marcado para a manhã desta quarta-feira (22).

Com o habeas corpus concedido pelo ministro do Suprem, Rincón deve ser liberado pelo presidente da CPI, senador Vital do Rêgo PMDB-PB). A liberação dos depoentes é um procedimento tomado pelo presidente da CPI toda a vez que um dos depoentes ou testemunhas se reserva ao direito de permanecer calado, sem responder às perguntas.

No caso dos réus do processo envolvendo o esquema do contraventor, o direito de ficar calado para não produzir provas contra si é previsto na Constituição. Já as testemunhas podem ficar caladas caso consigam um habeas corpus junto ao Supremo Tribunal Federal.

Rincón já foi convocado outras duas vezes para prestar depoimento à comissão, mas apresentou atestado médico e não compareceu.

Ele é presidente de agência estadual de transportes e obras públicas e foi citado em ligações telefônicas interceptadas pela Polícia Federal.

Segundo as investigações da PF, o grupo de Cachoeira depositou R$ 600 mil na conta da empresa Rental Frota Ltda., que tem Rincón como um dos sócios, com 33% de participação. A Rental já confirmou o pagamento, mas diz que se refere à venda de 28 veículos usados.

   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  Cinco estados não atingem meta de vacinação contra a gripe

Delegado vai convocar mais três suspeitos de estupro de jovem no Rio de Janeiro

A devolução de cheques em Goiás já é de 3,07%

Cientistas pedem adiamento da Olimpíada por causa do vírus Zika

Moradores de Vianópolis estão preocupados com assaltos na zona rural

Presa babá flagrada agredindo garoto com deficiência, em Goiás

Números de celulares ganham nono dígito a partir deste domingo em Goiás

Risco de microcefalia em fetos infectados com zika varia entre 1% e 13%

Polícia investiga estupro coletivo de adolescente em comunidade no Rio de Janeiro

Em mais uma gravação, Renan Calheiros orienta defesa de Delcídio

Ver todas as notícias


 

 

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2015 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por Voz Digital