Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 09/05/2019 08:24
   
 

  Justiça Federal decide que Temer deve ser preso de novo

Estadão Conteúdo
www.emaisgoias.com.br Foto: Reprodução/Gazeta Online

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) decidiu na noite desta quarta-feira, 8, que o ex-presidente Michel Temer (MDB) e coronel João Baptista Lima Filho sejam presos novamente. O julgamento ocorreu na 1ª turma do TRF-2 e a prisão foi definida por 2 votos a 1.

Os dois foram presos em 21 de março, durante a Operação Descontaminação, por ordem do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, e foram libertados no dia 25 do mesmo mês por decisão liminar (provisória) do desembargador Antonio Ivan Athié, do TRF-2. A investigação diz respeito às obras da usina nuclear de Angra 3, operada pela Eletronuclear, em que teria havido desvios de R$ 1,8 bilhão. A acusação é pelos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

No julgamento desta quarta-feira, o relator Athié votou pela manutenção da liberdade dos dois. Mas o desembargador Abel Gomes, que é o presidente da turma, votou pela prisão de Temer e coronel Lima, e Paulo Espírito Santo acompanhou Gomes.

O advogado de Temer, Eduardo Carnelós, lamentou a decisão, mas disse respeitá-la, e afirmou que o ex-presidente está em São Paulo e deve se apresentar à Justiça nesta quinta-feira, 9. “Embora respeitando os desembargadores, só posso lamentar a decisão. Foi dito (pelos desembargadores) que não há risco à ordem pública, e o fundamento seria a necessidade de dar o exemplo à sociedade. A lei diz que isso não é fundamento para a prisão. Considero essa mais uma página triste na história recente do Judiciário brasileiro”, afirmou.

Carnelós disse que solicitou ao presidente da turma que Temer se apresente nesta quinta-feira, “para evitar a exposição e humilhação de um homem de 78 anos de idade”.

Já em relação ao ex-ministro Wellington Moreira Franco, que também foi preso em março, os desembargadores decidiram mantê-lo em liberdade.

   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  Acidentes de trânsito ferem mais de 400 pessoas por dia, no País

Governo autoriza o dobro de nomeações de aprovados no concurso da Polícia Federal

ProUni abre inscrições no dia 11 de junho para bolsas no 2º semestre

Theresa May renuncia ao cargo de primeira-ministra do Reino Unido

PRF apreende carga de cigarro irregular avaliada em R$ 4 milhões, em Jataí

Administração em Ação oferece vários serviços gratuitos para a população neste sábado na UEG de Silvânia

Servidores da Secretaria Estadual de Educação são suspeitos de fraudar obras de escolas em Goiás

Coopersil de Silvânia comemora 20 anos de fundação

Aeronave do GRAER faz policiamento preventivo na 47ª Companhia da Polícia Militar

Previ Cidade de Silvânia encerra atividades

Ver todas as notícias


 

Ouça

 

Assista

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2018 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por DMM Web