Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 21/03/2019 08:57
   
 

  Aprovação de Bolsonaro cai 15 pontos desde posse, diz Ibope

Folhapress
www.emaisgoias.com.br Foto: Pedro Ladeira/Folhapress

A avaliação positiva do governo de Jair Bolsonaro (PSL) na Presidência da República caiu 15 pontos percentuais desde o começo do mandato, segundo levantamento do Ibope divulgado nesta quarta-feira (20).

De acordo com o instituto, 34% dos brasileiros consideram o governo Bolsonaro ótimo ou bom – esse número era de 49% em janeiro e de 39% em fevereiro.

Ao mesmo tempo, o percentual dos que avaliam o atual governo como ruim ou péssimo aumentou 13 pontos percentuais: de 11% em janeiro para 24% em março.

Outros 34% consideram a gestão Bolsonaro regular, enquanto 8% não souberam ou preferiram não responder à pesquisa do instituto.

O Ibope fez 2.002 entrevistas entre os dias 16 e 19 de março, com brasileiros de 16 anos ou mais. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Os números do instituto apontam que a avaliação positiva do governo Bolsonaro (34%) é a mais baixa em um princípio de gestão (até março) na comparação com os últimos três presidentes.

Em seu primeiro mandato, Fernando Henrique Cardoso (PSDB) tinha 41% de aprovação, enquanto Lula (PT) alcançava 51% e Dilma Rousseff (PT), 56%.

Considerando também o segundo mandato presidencial na conta, a avaliação do atual governo só é superior às do início da segunda gestão de FHC (22%) e de Dilma (12%).

Além da avaliação do governo, o instituto também fez perguntas sobre o desempenho do próprio presidente.

A aprovação de Bolsonaro neste caso também mostra declínio nos primeiros meses de mandato –de 67% em janeiro para 57% em fevereiro e 51% em março. Já os que desaprovam o presidente foram de 21% em janeiro para 38% em março. Em fevereiro o índice era de 31%.

A confiança do brasileiro no presidente, que era de 62% em janeiro, também sofreu abalo. Segundo o Ibope, ela caiu para 55% em fevereiro e chegou a 49% em março. Já os que não confiam passaram de 30% para 44% de janeiro a março.

Considerando apenas o levantamento de março do Ibope, Bolsonaro tem sua melhor avaliação pessoal (61%) entre evangélicos e moradores das regiões Norte e Centro-Oeste.

Os entrevistados que moram no Nordeste e em municípios com mais de 500 mil habitantes (53% em cada segmento) são os que mais declaram não confiar no presidente.

   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  A uma semana do fim do prazo, 12 milhões não enviaram declaração do Imposto de Renda

Caiado sanciona lei que regulamenta vaquejada como atividade cultural em Goiás

Procura por vacinação contra gripe em Goiás é baixa, diz Secretaria Estadual de Saúde

Governo de Goiás anuncia regras para vacinação contra aftosa em maio

Quartel do Corpo de Bombeiros de Silvânia deve ser entregue em maio

Homem é assassinado a golpes de foice em Bela Vista de Goiás

Agrotóxicos estão presentes na água de mais de mil cidades brasileiras

Mulher morre no hospital e número de mortos em Muzema sobe para 24

Dados sigilosos sobre Previdência ameaçam votação nesta terça na CCJ

CCJ da Câmara deve votar hoje relatório da reforma da Previdência

Ver todas as notícias


 

Ouça

 

Assista

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2018 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por DMM Web