Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 06/11/2018 07:10
   
 

  Acordo garante continuidade da reforma do Hospital Nosso Senhor do Bonfim e empresa tem 180 dias para finalizar a obra

Márcia Sousa
Da Redação Foto: Divulgação

A conclusão da obra de reforma do Hospital Nosso Senhor do Bonfim foi discutida em uma reunião realizada nesta segunda-feira, 05 de novembro, no Fórum de Silvânia.

O objetivo foi buscar um acordo que garantisse a legalidade na dispensa de licitação para a contratação da empresa Construtora Soares Alvarenga (CSA) para dar continuidade à obra no Hospital. Também foi discutida a legalidade do aditivo requerido pela CSA para concluir a reforma.

Com a presença da juíza da Comarca, Dra Nathália Arantes Bueno da Costa; do Promotor de Justiça, Dr. Carlos Luis Wolff de Pina; do prefeito de Silvânia, José Faleiro; do secretário municipal de saúde, André Calaça; do diretor clínico do Hospital, Geraldo Santana; de representantes da assessoria jurídica, o engenheiro e o diretor de convênios da Prefeitura, secretários de Finanças e da Indústria e Comércio, vereadores e representantes da CSA, ficou acordado que:

- a Prefeitura de Silvânia poderá assinar um contrato de prestação de serviço com a CSA, sem a necessidade de licitação;

- para finalizar a reforma, a empresa irá receber o valor de R$ 595.348,89. O montante é referente ao restante da verba de um milhão de reais destinados à obra;

- a Prefeitura poderá fazer o repasse de um aditivo requerido pela CSA para finalizar a reforma do Hospital. O aditivo só será pago com a apresentação dos valores e os serviços a serem feitos pela CSA e aprovados pelo engenheiro credenciado à Prefeitura de Silvânia;

- o pagamento do aditivo será de responsabilidade do executivo municipal, sem causar prejuízos às atividades essenciais do município;

- a empresa deverá fornecer um cronograma completo da obra a ser realizada;

- a reforma do Hospital Nosso Senhor do Bonfim deverá ser entregue no prazo máximo de 180 dias.

Com esse acordo firmado, a expectativa agora é que a empresa CSA assuma a reforma do Hospital em breve. A obra também terá o acompanhamento da juíza Dra. Nathália Bueno e do Promotor de Justiça, Dr. Carlos Luiz Wolff de Pina.

   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  Ministério do Meio Ambiente suspende convênios e parcerias com ONGs por três meses

Inep divulga notas do Enem na sexta-feira

Três são presos em Pires do Rio acusados de tráfico de drogas

Mais de 62 milhões de brasileiros terminaram 2018 com CPF negativado, aponta CNDL/SPC Brasil

Brasil é o segundo país no mundo com maior número de casos de hanseníase

Bolsonaro assina decreto e facilita posse de armas no Brasil

Motorista de aplicativo é preso suspeito de estuprar passageira e anotar perfil de rede social no corpo da vítima, em Goiânia

Prefeitura de Vianópolis mantém início das aulas na rede municipal de ensino para o dia 21 de janeiro

Início das aulas na rede municipal de ensino de Gameleira de Goiás é adiado para o dia 30 de janeiro

Justiça de Goiás nega habeas corpus e mantém João de Deus preso

Ver todas as notícias


 

Ouça

 

Assista

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2018 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por DMM Web