Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 15/04/2018 08:41
   
 

  Pedreiro é preso suspeito de abusar sexualmente da enteada, em Ceres

Murillo Velasco
www.g1.com Foto: Polícia Civil/Divulgação


Um pedreiro de 42 anos foi preso suspeito de abusar sexualmente da enteada de 12 anos, em Ceres, na região central de Goiás. De acordo com a Polícia Civil, o caso foi descoberto pelo irmão mais novo da vítima, de 10 anos, que flagrou a irmã sendo abusada pelo padrasto. A corporação apura se a mãe foi omissa em relação aos crimes pelos quais o companheiro é investigado.

Segundo o delegado Matheus Costa Melo, responsável pelas investigações, após flagrar o padrasto abusando da irmã, o menino contou ao Conselho Tutelar da cidade o que viu. Em depoimento à polícia, a adolescente disse que já havia relatado os abusos sofridos à mãe dela, que nada fez.

“O irmão mais novo flagrou o padrasto deitado em cima da irmã, dentro da casa em que moravam. Como a família é muito pobre, é assistida pelo Conselho Tutelar, que ficou sabendo dos abusos pela criança. Estamos apurando se a mãe foi omissa, já que a vítima disse que já havia procurado ajuda, mas a mulher não deu ouvidos e disse que ela estava mentindo.”

O pedreiro foi preso na quinta-feira (12), em Ceres. Conforme o delegado, o caso foi flagrado pelo irmão em janeiro deste ano, mas a situação só chegou ao conhecimento do Conselho Tutelar e da Polícia Civil no fim de fevereiro, desde quando o crime é investigado.

“É uma situação que, desde que chegou para a gente na delegacia já ouvimos todos os envolvidos e representamos pela prisão dele”, afirmou.

Melo afirmou que depois que o caso chegou na delegacia, a criança e a adolescente, vítima dos abusos, foram levados para o abrigo Lar das Crianças, onde estão morando e passam por acompanhamento psicológico.

O padrasto foi preso, está recolhido na Unidade Prisional de Ceres e, segundo a Polícia Civil, deve responder por estupro de vulnerável.


   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  Pesquisa aponta que grupos de família no WhatsApp são o principal transmissor de fake news

Concurso da Polícia Federal abrirá 500 vagas para cinco carreiras

MP de São Paulo vai investigar Geraldo Alckmin por improbidade administrativa

Goiás é o quinto estado brasileiro que mais gerou empregos formais em março de 2018

Mais de 2.400 pessoas já foram vacinadas na Campanha de Vacinação contra a gripe H1N1 em Vianópolis

Enfermeira de Silvânia cria grupo terapêutico de apoio a adolescentes grávidas

Laboratório de Goiânia anuncia que resultado de exame em criança de Silvânia que morreu com suspeita da gripe H1N1 deve ser divulgado na segunda-feira

União Europeia embarga 20 frigoríficos de frango do Brasil

Projeto que obriga escolas a combaterem bullying é aprovado no Senado

STF concede prisão domiciliar a Maluf

Ver todas as notícias


 

Ouça

 

Assista

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2018 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por DMM Web