Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 18/01/2018 09:29
   
 

  Saúde recomenda vacina contra febre amarela aos não imunizados em Goiás

Goiás Agora
www.goiasagora.go.gov.br Foto: André Borges/Agência Brasília/Divulgação

Goiás está em uma posição confortável em relação à febre amarela, com o índice de vacinação acima de 95% na maioria dos municípios. Apesar disso, o secretário da Saúde de Goiás, Leonardo Vilela, conclama as pessoas que ainda não receberam a dose da vacina a ir ao posto de saúde mais próximo para se imunizar contra a doença.

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, dia 17, Leonardo Vilela informou que Goiás é apontado pelo Ministério da Saúde como área com recomendação de vacinação contra a febre amarela. Os registros da SES-GO indicam que em 186 municípios goianos (76%) o índice de cobertura vacinal é superior a 95%.

Em outros 56 municípios (22,7%), a cobertura da vacina contra a doença varia de 50% a 95%. Em apenas quatro municípios do Estado – Goianésia, Ipiranga de Goiás, Montividiu e São Simão – os níveis de vacinação são inferiores a 50%.

Para garantir a proteção a toda a população goiana, a SES-GO está recomendando às Secretarias Municipais de Saúde com coberturas inferiores a 95% a intensificar a vacinação contra a febre amarela, inclusive com a identificação das pessoas não imunizadas. A mesma determinação está sendo dada aos gestores municipais das localidades onde há grande fluxo de turistas de outros Estados e países e, também, de trabalhadores rurais provenientes de outras regiões brasileiras.

A vacina contra a febre amarela deve ser tomada uma única vez na vida. Ela garante a proteção à doença dez dias após a aplicação da dose. Em Goiás, acentua Leonardo Vilela, não há falta de vacinas. Diferente do que está acontecendo em estados como São Paulo, Minas Gerais e Bahia onde está sendo aplicada a dose fracionada (que imuniza a pessoa por 8 anos), em Goiás sempre foi utilizada a dose padrão, que garante a proteção por toda a vida.

Dengue

Os números de casos confirmados de dengue no Estado diminuíram significativamente do ano passado em relação a este ano. De acordo com os dados do Boletim Epidemiológico da Dengue, a quantidade de casos notificados na primeira semana deste ano é 78,83% inferior à registrada no mesmo período do ano passado. Nos primeiros sete dias de 2017 foram notificados 1.507 casos da doença, enquanto neste ano, no mesmo período, foi feito o registro de 322 casos.

Mesmo com o registro da curva decrescente da doença, o secretário Leonardo Vilela chama a atenção da população para a eliminação dos focos do Aedes aegypti em suas residências. Os levantamentos da SES-GO também apontam uma elevação da infestação do mosquito no período chuvoso, fato que acende um sinal de alerta. Em dezembro de 2016, o índice de infestação predial em Goiás era de 1,17%. Já em dezembro do ano passado, esta taxa foi de 1,36%.

“Estamos intensificando as visitas domiciliares da operação Goiás contra o Aedes para a eliminação dos focos e conscientização dos moradores para o monitoramento rotineiro em seus domicílios”, sublinhou o secretário. “É fundamental que as pessoas recolham de suas casas todo e qualquer objeto que acumula água parada, entre os quais pneus, tampas de garrafa, latas e copos descartáveis”, enfatizou.

Só no ano passado foram realizadas em todo o Estado 21,7 milhões de visitas aos imóveis residenciais feitas por equipes compostas por profissionais da SES-GO e do Corpo de Bombeiros.

   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  Goiás reduz em 73% o índice de infestação do Aedes

Polícia procura menina de 9 anos e trabalha com hipótese de sequestro, em Caiapônia

Acidente na GO-139 deixa um morto e dois feridos, em Caldas Novas

Aprendizado Marista Padre Lancísio fará novo Processo Seletivo para alunos bolsistas

PF indicia Joesley Batista e mais quatro por corrupção

Preço do diesel não sofreu queda prometida por governo em nenhum estado

Em Goiás, preço do etanol sobe 10,66% em 30 dias

Revitalização da GO-020, entre Bela Vista e Cristianópolis, deve ser entregue neste mês

Homem que matou outro por música se apresenta à polícia de Pires do Rio

Homem é preso por agredir mãe de 62 anos de idade em Vianópolis

Ver todas as notícias


 

Ouça

 

Assista

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2018 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por DMM Web