Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 12/01/2018 08:29
   
 

  Moradores de Ipameri trocam objetos recicláveis que poderiam ser criadouros do Aedes por material escolar

Vanessa Martins, G1 GO
www.g1.com Foto: Reprodução TV Globo


Moradores de Ipameri, no sudeste goiano, trocam objetos recicláveis que poderiam acumular água e servir de criadouro do mosquito Aedes aegypti por materiais escolares. O projeto, chamado Dengue Móvel, é uma alterativa criada por equipes de combate à doença que incentiva crianças e adolescentes a continuarem na escola e, ao mesmo tempo, evitam a proliferação do mosquito.

A iniciativa tem apoio da prefeitura da cidade e de uma empresa que processa materiais recicláveis. Conforme os organizadores, são aceitas garrafas, latinhas e pneus.

Por conhecer a iniciativa, muitos moradores se preparam para conseguir o material escolar através do projeto. Algumas famílias conseguem economizar até R$ 400 juntando os itens para fazer a troca.

O pedreiro Flávio Vaz, por exemplo, tem três filhos e tenta se organizar para conseguir o máximo possível do que eles vão precisar na escola através da inciativa. “As crianças estão precisando para estudar. Então é uma mão na roda, muito bom”, brincou.

A estudante Emily Caroline Santos contou que também apoia a iniciativa. A adolescente fez a parte dela juntando materiais recicláveis que poderiam acumular água e conseguiu pegar alguns itens que vai precisar para o próximo ano letivo.

“Faz bem para a cidade, porque acaba com as garrafas de um jeito que pode reciclar e acaba com a dengue e ajuda muitas pessoas também”, afirmou.

Já o aposentado Hélio Estrela Vaz contou que juntou mais de 300 garrafas. Com o material, ele conseguiu três cadernos de dez matérias no ponto de trocas e economizou cerca de R$ 30. “Vamos acabar com esses mosquitos e essas doenças que o mosquito transmite. Ainda ajuda na educação das crianças”, disse.


   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  Pesquisa aponta que grupos de família no WhatsApp são o principal transmissor de fake news

Concurso da Polícia Federal abrirá 500 vagas para cinco carreiras

MP de São Paulo vai investigar Geraldo Alckmin por improbidade administrativa

Goiás é o quinto estado brasileiro que mais gerou empregos formais em março de 2018

Mais de 2.400 pessoas já foram vacinadas na Campanha de Vacinação contra a gripe H1N1 em Vianópolis

Enfermeira de Silvânia cria grupo terapêutico de apoio a adolescentes grávidas

Laboratório de Goiânia anuncia que resultado de exame em criança de Silvânia que morreu com suspeita da gripe H1N1 deve ser divulgado na segunda-feira

União Europeia embarga 20 frigoríficos de frango do Brasil

Projeto que obriga escolas a combaterem bullying é aprovado no Senado

STF concede prisão domiciliar a Maluf

Ver todas as notícias


 

Ouça

 

Assista

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2018 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por DMM Web