Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 07/12/2017 08:42
   
 

  Operação prende grupo suspeito de matar 15 pessoas na Grande Goiânia

Murillo Velasco
www.g1.com Foto: Polícia Civil/Divulgação


A Polícia Civil cumpre, nesta quinta-feira (7), 18 mandados de prisão contra suspeitos de matar pelo menos 15 vítimas na Região Metropolitana de Goiânia. Segundo a corporação os líderes do grupo atuavam de dentro dos presídios. Outras 22 pessoas já haviam sido capturadas, apontadas como responsáveis por mais de 80 assassinatos.

A Operação Fim da Linha foi deflagrada nesta manhã pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH). Ela integra a última etapa da Operação Descarrilamento, que já teve duas etapas. As prisões fazem parte de uma investigação que apura, além dos homicídios, a prática de tráfico de drogas.

Segundo a assessoria de imprensa da corporação, as investigações começaram há 4 meses, depois que foi identificado um aumento de 20% no número de assassinatos na capital entre julho e setembro deste ano.

Descarrilamento

A primeira fase da Operação Descarrilamento foi deflagrada no dia 5 de setembro deste ano. Na época, 14 foram presas. O grupo - seis homens e oito mulheres com idades entre 20 e 25 anos - foram detidos em Goiânia, Abadia de Goiás, Trindade e Heitoraí.

Já a segunda etapa das investigações foi realizada 29 dias depois, prendendo oito homens suspeitos de cometer pelo menos 28 assassinatos. Na época, a polícia informou que els agiam com grande violência contra os integrantes das quadrilhas rivais, atirando dezenas de vezes contra elas.

"No celular de um dos presos encontramos uma lista com 18 nomes para serem mortos. Acreditamos que eles sejam responsáveis por 60% dos homicídios na região este ano", informou o delegado Dannilo Proto, responsável pela segunda etapa da operação.


   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  Inscritos no Enem já podem checar local de provas

Cerca de 85% das delegacias brasileiras não possuem servidores suficientes para realizar suas atividades

Polícia rodoviária terá mais seis unidades operacionais em Goiás

Não temos solução pronta para fake news, diz presidente do TSE

PF abre inquérito para investigar envio de mensagens no WhatsApp durante eleição

Assembleia Legislativa de Goiás deve divulgar edital de concurso nos próximos dias

Justiça Eleitoral suspende uma das rotas do transporte de eleitores em Silvânia para o segundo turno

Sedentarismo: 12% das mortes por câncer de mama são evitáveis

WhatsApp remove contas de disparo em massa de notícias falsas

Aplicação de provas do Enem 2018 terá quatro fusos horários diferentes

Ver todas as notícias


 

Ouça

 

Assista

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2018 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por DMM Web