Bem-vindo, (entrar) | www.radioriovermelho.com.br
 
   
 
       
 
 
 
 
Início > Últimas notícias > 21/04/2017 08:24
   
 

  Mãe e filho morrem em intervalo de 12h com suspeita de dengue hemorrágica, em Goiânia

Sílvio Túlio, G1 Goiás
www.g1.com Foto: Arquivo Pessoal


Uma idosa de 93 anos e o filho dela, de 50 (foto), morreram em um intervalo de apenas 12 horas, ambos com suspeita de dengue hemorrágica, em Goiânia. Segundo a família, a aposentada Benícia Pereira e o mecânico João Pereira também ficaram o mesmo período - dez dias - internados, mas em hospitais diferentes da capital.

De acordo com a pensionista Maria Augusta Pereira Cardoso, filha de Benícia, a mãe deu entrada em uma unidade de saúde no último dia 8 com quadro de dengue. No mesmo dia, o irmão dela também foi internado com a mesma doença. Na terça-feira (18), às 6h, a idosa morreu. No mesmo dia, às 18h, quem não resistiu foi o mecânico.

"[O sentimento] é de muita dor porque a gente não esperava perder minha mãe. Apesar dela estar com 93 anos, era uma senhora saudável, lúcida, ainda tinha muito vigor. Eu lá no cartório, registrando o atestado de óbito da minha mãe, recebo a notícia que meu irmão também tinha falecido", lamenta a pensionista.

Maria Augusta reclamou ainda que seus familiares sempre cuidaram muito bem dos quintais para evitar a proliferação do mosquito transmissor da doença e que os mesmo cuidados não eram feito por outras pessoas do Jardim Curitiba, bairro onde moram.

"Foi um desespero só. Fico muito indignada porque, devido a um simples cuidado que as pessoas não tem, que não se cuida. Esse mosquito levou a minha mãe e o meu irmão ao mesmo tempo. É uma dor muito triste. Só eu e Deus sabemos que estou passando", desabafa.

Casos da doença

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que os dois casos já foram notificados e já estão em processo de investigação.

Ainda de acordo com dados do órgão, neste ano, até o último sábado (15), foram registrados em Goiânia 9.626 casos de dengue. Uma morte pela doença foi confirmada.


   
 
   
  Voltar
   
  Mais notícias
   
  Pesquisa aponta que grupos de família no WhatsApp são o principal transmissor de fake news

Concurso da Polícia Federal abrirá 500 vagas para cinco carreiras

MP de São Paulo vai investigar Geraldo Alckmin por improbidade administrativa

Goiás é o quinto estado brasileiro que mais gerou empregos formais em março de 2018

Mais de 2.400 pessoas já foram vacinadas na Campanha de Vacinação contra a gripe H1N1 em Vianópolis

Enfermeira de Silvânia cria grupo terapêutico de apoio a adolescentes grávidas

Laboratório de Goiânia anuncia que resultado de exame em criança de Silvânia que morreu com suspeita da gripe H1N1 deve ser divulgado na segunda-feira

União Europeia embarga 20 frigoríficos de frango do Brasil

Projeto que obriga escolas a combaterem bullying é aprovado no Senado

STF concede prisão domiciliar a Maluf

Ver todas as notícias


 

Ouça

 

Assista

 
  Participe
Seu nome:
 

Seu comentário:

 
 
 
  Peça sua música
Seu nome:
 
Cidade/Estado:
 
Sua música:
 
Manda para:
 
 
 
  Redes Sociais
 

 
 
   
 
  © Copyright 2012-2018 - Rádio Rio Vermelho - Todos os direitos reservados

A Rádio | Notícias | Programação | Comercial | Equipe | Contato
Desenvolvido por DMM Web